Cozinhar é uma arte. Uma arte que nem todos nós dominamos, para a infelicidade de muitos. Desde que comecei a morar sozinho eu procurei saber como aprender a cozinhar e me dediquei a aprender o básico sobre a culinária e gastronomia.

Inclusive, você sabe qual é a diferença entre um e outro? Eu posso te explicar de forma bem rápida e resumida logo abaixo.

Com o objetivo de facilitar a vida do visitante que veio para algum ponto específico desta matéria, eu já adianto que você pode encontrar mais informações sobre a diferença entre culinária e gastronomia, o bônus da receita de risoto de frango ou a playlist para cozinhar você pode acessar clicando diretamente nos links deste parágrafo. Eles vão te levar direto para o ponto onde querem ir.

Diferença entre Culinária e Gastronomia

A Culinária é a arte de cozinhar. É um conjunto de etapas e processos que  se fazem presentes na realização de pratos característicos de determinada região.

A Gastronomia tem como objetivo proporcionar o máximo de prazer aos que comem. Além do conjunto de etapas, conta com a habilidade, conhecimento e técnica de determinados processos para se chegar a um prato primoroso.

Lógico que você pode discordar e comentar com as informações que você tem. Será um prazer ler seu comentário complementando ou corrigindo esse texto. Corre lá embaixo e escreve o que você quer, depois volta aqui e termina de ler.

Preparação

Mais importante que qualquer outra etapa, a preparação é onde você vai avaliar as receitas, a lista de compras, as porções e todos os itens que podem te atrapalhar muito na hora de começar a cozinhar.

A verdadeira gastronomia está no que você ainda vai criar. - Chef Di Manno Click To Tweet

Se preparar para uma receita é tão importante quanto as outras etapas. Algumas vezes, eu diria, é mais importante se preparar do que realizar a tarefa e não estou falando só de cozinha.

Quando estiver se preparando você pode separar a receita que você quer e criar um checklist dos itens que vai precisar. Lembre-se de incluir itens que não fazem parte da receita mas que você vai precisar, como colher de pau, uma panela específica ou um timer, caso precise e não tenha como utilizar o telefone porque está ocupado jogando Farmville ou algum outro jogo equivalente.

Para criar listas eu indico usar o Google Keep que tem uma integração muito boa com os celulares atuais e te permite fazer uma separação por cores, por importância e ainda, se precisar, colocar algum lembrete na nota, com hora e data.

Como aprender a cozinhar e usar o Google Keep

Você tem muitas opções para buscar receitas. Hoje em dia o YouTube é um dos maiores aglomerados de receitas que alguém pode ter à mão, a alguns toques de distância. Explore o YouTube sem nenhuma prudência e veja as centenas de opções que existem disponíveis para você. Canal de culinária é o que não falta.

Durante

O mais importante de se preocupar durante a preparação dos pratos é ficar atento às medidas que você vai seguir das receitas. Se você for um pouco mais ousado e já tiver um certo preparo, pode seguir o coração e caprichar nos temperos, no sal, nas especiarias.

Se você ainda é aprendiz (e muito provavelmente é, do contrário, por qual outro motivo estaria lendo este texto?) e não tem muita noção do que está fazendo, precisa de atenção redobrada na hora de aplicar as medidas.

Em dado momento, errei a quantidade de água em um Tiramisu e o transformei em um doce completamente nojento. Não recomendo.

Entenda a receita como seu manual de instrução. Você não começa a mexer em um aparelho eletrônico sem antes dar uma olhada no manual, não é? Da mesma forma, recomendo prestar atenção em cada detalhe da receita.

Uma dica muito importante é evitar distrações durante a realização dos trabalhos. Alguns pratos são muitos sensíveis e qualquer tempo a mais que esquecê-los no fogo pode prejudicar um trabalho de horas. Se precisar ir ao banheiro, ver um vídeo ou comentar qualquer coisa no Facebook, aproveite para fazer na etapa anterior, da preparação.

Quando começar a cozinhar, foque apenas em cozinhar e as chances de tudo dar certo serão grandes.

Depois

Não existe muita coisa para ser feita depois que o prato ficou pronto. Normalmente a continuação natural das etapas é sentar, acompanhado, comer e desfrutar dos louros de ter começado um hobby novo.

O mais importante de tudo é saber que cozinhar bem é questão de prática. Mesmo que você cometa alguns erros no começo, encare como uma brincadeira e descontraia. Não se deixe cobrar por conta do sucesso ou falha de algum prato. A parte mais divertida de cozinhar está em fazer tudo com um sorriso no rosto e aproveitando o máximo possível.

Pelo que me lembro, a primeira vez que decidi cozinhar para alguns amigos eu fiz um macarrão de forno e cometi o erro de não prová-lo durante o preparo. Resultado, o macarrão ficou mais salgado que o Mar Morto e ninguém conseguiu comer. Aquilo foi tão frustrante que me afastou por muito tempo do fogão. Só consegui me dedicar de novo à cozinha quando entendi que tudo aquilo fazia parte do processo.

O maior erro que você pode cometer, é o de ficar o tempo todo com medo de cometer algum. Click To Tweet

Bônus: Receita de Risoto de Frango

Para aproveitar que você já aprendeu tudo que podia sobre o antes, o durante e o depois, agora está na hora de colocar em prática tudo que aprendeu. Se você nunca fez um risoto, não se deixe intimidar por nada. Todas as receitas tem algum nível de dificuldade, mas o risoto em si é um prato bastante fácil e não vai te apresentar muitas dificuldades, só o suficiente para você se sentir desafiado.

Vamos à receita.

Ingredientes:

  • 1 cebola média picada
  • 4 dentes de alho picado
  • 1 colher rasa (café) de aipo em pó
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva
  • 2 xícaras de chá de arroz arbóreo
  • 2 xícaras de chá de vinho branco seco
  • 1 lata de molho de tomate pronto (não confundir com massa de tomate)
  • pimenta-do-reino a gosto
  • sal a gosto se achar necessário
  • 10 azeitonas verdes picadas
  • 1 e 1/2 litro de água
  • 2 cubos de caldo de galinha
  • 600g de coxa de frango desossada

Modo de fazer:

  1. Corte o frango em cubos e tempere com uma colher (café) de sal, coloque num refratário e leve ao forno preaquecido a 200° C
  2. Asse o frango por aproximadamente 35 ou 40 minutos, ou até que doure
  3. Numa panela faça o caldo colocando a água, ferva e dissolva os cubos de caldo de galinha mantendo essa panela em fogo baixo
  4. Numa outra panela grande coloque a margarina, azeite, cebola, alho e aipo
  5. Deixe tudo em fogo baixo por aproximadamente 10 minutos, mexendo umas 5 vezes nesse espaço de tempo
  6. Acrescente o arroz, deixe em fogo médio e mexa até que os grãos fiquem meio transparentes
  7. Em seguida coloque o vinho
  8. Mexa até que ele evapore, note que a mistura já estará cremosa
  9. Com uma concha pegue o caldo que você fez coloque no arroz
  10. É importante ressaltar que você colocará uma concha de caldo no arroz, mexerá com certa frequência até que esse caldo quase evapore por completo deixando o arroz cremoso e continuará com esse procedimento até que o arroz esteja cozido, o que levará aproximadamente 50 minutos se quiser ele bem macio ou 20 minutos bem al dente
  11. Quando notar que o arroz está quase cozido, coloque o molho de tomate e a pimenta do reino
  12. Finalmente coloque o frango, as azeitonas e a última concha de caldo
  13. Deixe cozinhar com a panela semi-tampada
  14. Finalize com meia xícara de chá de queijo parmesão ralado

Informações adicionais:

Preparo: 70 minutos
Rendimento: 6 porções

Playlist para cozinhar

Um dos meus maiores prazeres atualmente é o de chegar em casa com as compras, tirar tudo das sacolas, colocar uma playlist pra tocar e começar todo o meu processo para cozinhar.

A música já está dentro das nossas vidas em diversas situações e com as facilidades de serviços de streaming, como o Spotify e o Deezer, já existem playlist’s prontas para ouvirmos quando quisermos fazer algo.

Esta abaixo é uma playlist do próprio Spotify. Uma das que eu mais uso quando quero passar a tarde cozinhando. Espero que gostem.

 

Referências

https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/a-diferenca-entre-culinaria-e-gastronomia/29675

http://www.tudogostoso.com.br/